Entenda mais sobre o novo sistema “DAS” da Mercedes na F1

Dual Axis Steering é o novo sitema da Mercedes na formula 1 para a temporada de 2020. Permitindo mudanças na configuração do volante e da cambagem do carro sem nem precisar voltar aos boxes.

Nesta quinta-feira (20) em Barcelona, no segundo dia de testes da pré temporada o carro pilotado por Lewis Hamilton trazia um volante ajustável, se mexendo para frente e para trás.

Algumas horas depois já veio a explicação: trata-se do DAS, sistema engenhoso que promete dar o que falar nos bastidores da F1.

Mas o que é o DAS?

A expressão DAS é a abreviação do termo em inglês, Dual Axis Steering. Em português, Direção de Eixo Duplo. O piloto tem o controle de como o volante fica posicionado, o que afeta o posicionamento da suspensão e, por tabela, dos pneus e sua área de contato com o asfalto.

O questionamento inicial foi direto ao ponto: será que algo tão diferente assim está mesmo dentro do regulamento? Não demorou para passarmos dessa fase, já que o diretor-técnico James Allison aproveitou a entrevista coletiva em Barcelona para explicar que a Mercedes já vinha em contato com a FIA (Federação Internacional de Automobilismo), que deu luz verde para o projeto.

“É uma ideia inovadora que trouxemos para a pista”, disse Allison mais tarde, através de vídeo divulgado pela própria Mercedes. “É um sistema que permite aos pilotos uma dimensão extra de controle do volante. Exatamente como funciona, essa é uma coisa que preferimos manter para nós mesmos, mas esperamos que seja algo que nos traga uma vantagem durante o ano”, seguiu.

Ainda não se sabe ao certo quais ganhos a Mercedes busca com o DAS. Duas teorias ganharam força entre especialistas: a de que o objetivo é manter os pneus aquecidos ao longo das retas e a de que trata-se de uma forma de melhorar a dirigibilidade nas curvas.

Como fazer bolo de laranja?

Um Segredo Simples Para Um Resultado Extraordinário, Nunca mais você precisará…